24/06/2010

OMG! do mês - Matt Lanter

Todo mundo já deu meio que uma babadinha nos gatos que a gente vê na TV, né?!
Então, o QP vem com mais uma novidade por aqui: o OMG! do mês.
Nesse espaço eu vou contar um pouca da vida e do trabalho desses deuses gregos!
E o primeiro da coluna é o gatíssimo Matt Lanter.
Quem assisti a série 90210 ou já viu o filme Um casal quase perfeito 3 reconhece o fofo. Mas se você não o conhece, se prepare para ter um pequeno infarto. #morri


Nome: Matthew Mackendree

Idade: 27

Local de nascimento: Ohio - EUA

Papel mais recente: Liam Court (90210)

Melhor atributo: Olhos (ai,ai!)

Altura: 1,78

Matt Lanter nasceu em Ohio, mas mudou-se para Atlanta, em 1991 quando tinha apenas oito anos. Praticou vários esportes, entre eles golfe e futebol americano, terminou seus estudos no ano de 2001 e ingressou na Universidade de Georgia. Na universidade, o interesse de Matt em cinema e televisão lhe desenvolveu um forte desejo de atuar.
Decidiu se mudar para Los Angeles e seguir seu sonho de ser ator. Logo depois de sua mudança, Matt conseguiu um papel na série "Point Pleasant" e também participou de "8 Simple Rules" e "Big Love", assim como fez trabalhos como modelo.
Além de atuar, Matt gosta de sair, jogar golfe e relaxar na praia. Atualmente, faz o papel de Liam Court na série de televisão 90210. Matt participou também de Um Casal Quase Perfeito 3, sendo o protagonista Zack Conroy - um patinador considerado perigoso.

veja mais :: Aqui!
 

Myspace       Twitter

Como dizer "Eu gosto de você!"

Júlio engoliu o último pedaço do x-burguer ainda desconfiado do jeito estranho de Marina naquele dia.
-Algum problema?-ele perguntou.
-Não, nenhum.-Marina falou reciosa.
-Ah, qual é?! Somos amigos. Pode falar qualquer coisa pra mim, sabe disso.
-Agora não, depois da aula.
Aquelas três aulas depois do intervalo pareciam uma eternidade. O que será que Marina estava pensando? Será que ela descobrira a paixão secreta de Júlio? Ou pior, será que ela iria despensá-lo?
Não, ele não suportaria tal coisa!
O sinal tocou e o garoto foi correndo até as mesinhas da cantina esperar o seu "amor".
-E então, qual é o mistério?
-É difícil falar disso com você...
-Não se preocupe. Seja o que for, pode contar comigo!
-É que eu quero fazer uma declaração.
-Declaração de que? De imposto de renda?
-Não, garoto! De amor!
As bochechas de Júlio ficaram vermelhas. Será que ela sentira o mesmo por ele?
-Pra quem?-ele disse contente.
-Por enquanto é segredo.
-Ah, qual é...fala aí! Deixa de ser besta!
-Não, por enquanto não. Preciso que me ajude a escrever alguma coisa pra ele.
A decepção de Júlio era imensa. Marina gostava de outro garoto.
-Ah, sei lá garota. Escreve qualquer coisa!-ele falou irritado.
-Qualquer coisa tipo o que?
-Sei lá! Tipo..."Fulaninho de tal, não consigo parar de pensar em você." Assina e manda, pronto.
-Aff, garoto! Valeu mesmo-a garota estava com um ar de tristeza.
Júlio se afastou resmungando baixinho: "Essas garotas...não sabem nem fazer uma declaração! Coitado desse sicraninho aí que ela arranjou! Eu eim..."
Marina ficou alguns instantes na mesa olhando para o "nada". Depois foi pra casa. Escolheu uma folha de papel bem bonita e caprichou na letra. Escreveu um bilhetinho para o tal sicraninho a quem Júlio se referiu.
No dia seguinte, Julio viu dentro de seu estojo de lápis um papel dobrado que dizia:
"Júlio,
não consigo parar de pensar em você.
Marina"
O coração dele disparou. Surpreso, alegre feliz...
A declaração era pra ele. E era o que ele mais queria.




Adaptação do livro "Amoreco" de Edson Garcia